“Os escolhidos: A surpreendente negociação de bilhões com o Banco do Vale do Silício e o FDIC”

FDIC vende depósitos e empréstimos do Banco do Vale do Silício para First Citizens Bank

O Banco do Vale do Silício, ou Silicon Valley Bank (SVB), foi oficialmente adquirido pelo First Citizens Bank, com sede em Raleigh, Carolina do Norte, após a falência do SVB em março deste ano. A transação envolveu a compra de cerca de US$ 72 bilhões em ativos do SVB com um desconto de US$ 16,5 bilhões, enquanto US$ 90 bilhões em valores mobiliários e outros ativos permanecerão em liquidação, aguardando disposição do FDIC.

Todos os depositantes do Silicon Valley Bridge Bank, o banco intermediário criado pelo FDIC após a falência do SVB, se tornarão automaticamente depositantes do First Citizens Bank & Trust Company. Todos os depósitos assumidos pelo First Citizens Bank & Trust Company continuarão a ser segurados pelo FDIC até o limite do seguro.

Estima-se que a falência do SVB custou ao Fundo de Seguro de Depósitos cerca de US$ 20 bilhões, mas o custo exato será estabelecido assim que o FDIC concluir a liquidação judicial. Não está claro ainda quantos ex-clientes do SVB permanecerão com o First Citizens Bank a partir dessa segunda-feira.

O Consenso 2023, a conversa mais importante sobre criptografia e Web3, acontecerá em Austin, Texas, de 26 a 28 de abril. A CoinDesk, líder em notícias e informações sobre criptomoedas, ativos digitais e o futuro do dinheiro, promove o evento e busca os mais altos padrões jornalísticos.

Deixe um comentário